Cidade Alta FM

A Rádio do coração do Povo Diamantense

ADMINISTRADA PELA ADECADI

Diamante D’Oeste: Nota de esclarecimento à população

Informamos a toda a população que o céu cinzento e o clima pesado, com forte cheiro de fumaça ainda é decorrente do incêndio ocorrido nas aldeias indígenas localizadas no interior do Município, como noticiado pelo site “Correio do Lago” na data de 23 de setembro de 2019.

Segundo o corpo de bombeiros, o incêndio teve início na aldeia Tekohá Itamarã, consumindo a vegetação rasteira em direção à aldeia Tekoha Añetete.

Infelizmente os focos de incêndio permanecem até hoje. Às vezes diminuem, porém, aumentam conforme a temperatura e intensidade dos ventos.

O corpo de bombeiros ainda realiza o monitoramento, porém, a localização dos focos de incêndio é de difícil acesso, o que torna a situação ainda mais complicada.

Na oportunidade, fazemos um alerta para que a população se conscientize sobre as queimadas, que podem ser provocadas pelo mau hábito de colocar fogo em lixo, terrenos baldios, margens de córregos e beiras de rodovias. Nesta época do ano, devido à falta de chuvas, é muito mais fácil acontecer um incêndio, até mesmo por causa de uma ponta de cigarro acesa. As queimadas que ocorrem em terrenos urbanos e canaviais destroem a vegetação, degradam o solo e prejudicam os animais. Além disso, poluem o ar com fumaça e gases tóxicos, provocando doenças respiratórias.

Todos os diamantenses podem ajudar na campanha, não provocando queimadas e denunciando essa irresponsabilidade à Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente ou através do telefone da Polícia Militar.

Vale lembrar que há penalidades para quem queimar vegetação, de acordo com a Lei de Crimes Ambientais.

A Administração Municipal lamenta pelo ocorrido e pelos incômodos que isso tem gerado aos nossos munícipes.

Share

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin