Cidade Alta FM

A Rádio do coração do Povo Diamantense

ADMINISTRADA PELA ADECADI

Londrina adota formulário online para denúncias de maus-tratos a animais

londrina-adota-formulario-online-para-denuncias-de-maus-tratos-a-animais


Segundo a Secretaria Municipal do Ambiente (Sema), objetivo do novo serviço é que a fiscalização receba informações verdadeiras e precisas, permitindo um atendimento mais rápido e adequado. Londrina adota formulário online para denúncias de maus-tratos a animais
Reprodução/Pixabay
A Secretaria Municipal do Ambiente (Sema) de Londrina, no norte do Paraná, disponibilizou um formulário online para que a população encaminhe denúncias de maus-tratos a animais.
O documento está disponível no portal da prefeitura, na página da Diretoria de Bem-Estar Animal da Sema.
Pelo formulário, as pessoas que souberem de alguma situação de maus-tratos a animais, domésticos ou não, podem preencher os dados obrigatórios e do local onde o animal será encontrado.
Segundo a prefeitura, as informações de quem faz a denúncia são sigilosas, ou seja, não serão divulgadas.
O documento está disponível no portal da prefeitura, na página da Diretoria de Bem-Estar Animal
Arquivo pessoal
Dentre as situações que podem ser denunciadas, estão animais que não recebem cuidados básicos e estão sem acesso a alimento, água ou proteção de sol e chuva; que sofrem agressões; vivem soltos nas ruas, além de outros casos.
Caso a pessoa tenha fotos que comprovem a denúncia, há um campo do formulário para anexar o arquivo, conforme a prefeitura.
A diretora de Bem-Estar Animal da secretaria, Graziella Santana Damante, explicou que, até o momento, o setor recebia essas denúncias pelo WhatsApp.
Contudo, os dados informados nem sempre condiziam com a verificação da equipe, e em algumas situações ocorreram denúncias falsas.
Outra situação recorrente com denúncias de maus-tratos enviadas pelo WhatsApp era de que a situação se tratava de uma emergência quando não era o caso.
“Podemos dizer que, de cada dez denúncias, ao menos três não possuíam a gravidade relatada e duas vinham com endereços incompletos, impedindo a checagem”, comentou Graziella.
Em abril deste ano, a diretoria de Bem-Estar Animal da Sema registrou 229 pedidos de fiscalizações por denúncias de maus-tratos a animais.
Em todo o trimestre, foram 576 pedidos.
Com o formulário, a equipe da diretoria pretende estabelecer critérios na ordem das verificações em campo, priorizando os casos que demandam urgência.
“A expectativa é que essa alteração vai otimizar o nosso trabalho e melhorar a qualidade da fiscalização, porque a triagem quando bem-feita leva a um atendimento mais específico com o médico veterinário”, pontuou Graziella.
VÍDEOS: Mais assistidos do G1 PR
Veja mais notícias da região em G1 Norte e Noroeste.

Share

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin