ADMINISTRADA PELA ADECADI

Aumento de 16 vezes da vazão das Cataratas do Iguaçu influencia inundações no Paraguai, e famílias precisam ser removidas de casa


O aumento da vazão das Cataratas do Iguaçu em mais de 16 vezes, devido às chuvas intensas no Paraná, tem influenciado em inundações no Paraguai, e pelo menos 60 famílias precisaram ser removidas de casa até esta segunda-feira (30), segundo Itaipu Binacional.As quedas estão com fluxo acima dos 24 milhões de litros de água por segundo, de acordo com o monitoramento hidrológico da Companhia Paranaense de Energia (Copel). Esta é a segunda maior vazão desde 1997, quando o monitoramento passou a ser automático e medido de hora em hora.A vazão normal é de 1,5 milhão.Após passar pelas Cataratas do Iguaçu, o Rio Iguaçu deságua no Rio Paraná, que segue no sentido Paraguai. Conforme a Itaipu, isso tem causado grande aumento no fluxo do rio, que passou de 15 milhões de litros por segundo para mais de 33 milhões em menos de 24 horas.Ainda conforme Itaipu, cerca de 120 famílias do bairro San Rafael, em Ciudad del Este, no Paraguai, no limite com Foz do Iguaçu, no Paraná, podem ser afetadas pelo aumento repentino da vazão.De Costa Oeste