ADMINISTRADA PELA ADECADI

Policias militares são indiciados por atropelamento de homem no meio de rua de Guarapuava

A Polícia Militar do Paraná (PM-PR) terminou o inquérito que apurou o atropelamento de um homem por uma viatura da corporação em Guarapuava, na região central do Paraná, e indiciou os dois agentes envolvidos no caso.

Alcione Antonio Rosa Pires, de 40 anos, estava em situação de rua e foi atropelado no dia 30 de abril. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu dias depois no hospital.

O inquérito concluiu que há indícios de crime militar na conduta dos dois policiais que estavam na viatura: o soldado Ariel Machado de Moraes e o cabo Hildebrante Pereira Paiva Junior.

O soldado dirigia a viatura e foi indiciado por homicídio com dolo eventual, quando se assume a possibilidade de matar. O cabo, assim como o soldado, vai responder pelos crimes de falsidade ideológica, fraude processual e denunciação caluniosa.

O advogado que defende os dois policiais disse que ainda não foi notificado sobre a conclusão da investigação e que, por isso, não vai se manifestar no momento.

O advogado Jairo Jesus representa a família de Alcione e teve acesso ao relatório do Inquérito Policial Militar. De acordo com ele, o documento aponta que os policiais mentiram.

“No depoimento de ambos os policiais eles tentaram desconsiderar o que estava escrito no boletim de ocorrência que foi produzido por outro policial, ou seja, eles tentaram induzir o oficial a acreditar que o relatório foi produzido por outra pessoa, e não foi o que eles disseram. […] E a fraude processual por que eles alteraram a cena do acidente quando foi retirado o veículo, no momento seguinte do atropelamento, foi retirado o veículo e estacionado em outro local”, diz o advogado.

A PM informou nesta segunda que enviou o inquérito ao Ministério Público para que tome as providências que julgar necessárias. A nota diz ainda que a ação ilegal e isolada de um militar estadual não reflete os valores e o profissionalismo da corporação, que se dedica dia e noite à proteção e ao bem-estar da população do Paraná.

Viatura da PM atropela homem no meio da rua — Foto: Reprodução

Câmera registrou atropelamento

As imagens de câmera de segurança mostram a vítima caminhando lentamente no meio da rua.

Alguns veículos desviaram dele, até que a viatura da PM aparece e atinge o homem, que cai ao chão. Na sequência, dois policiais descem do carro para verificar a situação.

Nove minutos depois, chega uma ambulância para prestar atendimento médico. Veja abaixo:

Viatura da PM atropela homem no meio da rua

Viatura da PM atropela homem no meio da rua

Os vídeos mais assistidos do g1 PR: