ADMINISTRADA PELA ADECADI

Ponte da Amizade, entre Brasil e Paraguai, está há quase um mês sem luz

Fronteira entre Foz do Iguaçu e Cidade do Leste é considerada mais movimentada do país. Forças de segurança afirmam que escuridão tem facilitado a ação de contrabandistas.


Ponte da Amizade está há quase um mês sem iluminação

Ponte da Amizade está há quase um mês sem iluminação

A Ponte da Amizade, entre Brasil e Paraguai, está há quase um mês no escuro por causa de um curto-circuito. Os postes da estrutura entre Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, e Cidade do Leste, estão sem luz.

Segundo as forças de segurança, a escuridão tem facilitado a ação de contrabandistas na fronteira terrestre mais movimentada do país. Por ano, mais de 30 milhões de pessoas circulam pelo trecho.

Na última quarta-feira (3), um paraguaio foi flagrado pela Polícia Federal usando uma corda para passar pneus por baixo da ponte com o objetivo de contrabandeá-los.

A ponte é de responsabilidade do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), porém, por meio de um acordo, a Prefeitura de Foz do Iguaçu é responsável pela parte da iluminação da estrutura.

Nesta sexta-feira (5), a Receita Federal informou ao DNIT a falta de iluminação e pediu uma solução definitiva. À noite, apenas a luz dos veículos ilumina o trecho.

A previsão é de que a partir da meia noite deste sábado (6) a Diretoria de Iluminação Pública da cidade faça uma nova tentativa de resolver o problema. Ainda não foi identificado o ponto do curto-circuito.

Segundo a prefeitura, o local de manutenção é de difícil acesso e a estrutura é antiga.

Ponte da Amizade, entre Brasil e Paraguai, há quase um mês no escuro — Foto: RPC Foz do Iguaçu

Os vídeos mais assistidos do g1 PR: