ADMINISTRADA PELA ADECADI

Professora de CMEI no Paraná é indiciada por maus-tratos contra bebês; mulher está afastada do cargo

Casos foram registrados em Dois Vizinhos; câmera flagrou os episódios em creche. Duas auxiliares também foram indiciadas, mas por omissão.


Professora de creche no Paraná é indiciada por maus-tratos

Professora de creche no Paraná é indiciada por maus-tratos

A professora Rosangela Roegelin foi questionada sobre os casos em depoimento à polícia e respondeu que estava em situações de muito estresse. A RPC entrou em contato com a defesa dela, mas não recebeu uma resposta.

Além da professora, duas auxiliares da creche foram indiciadas, mas por omissão. O caso aconteceu no Centro Municipal de Educacional Infantil (CMEI) Camila.

A Prefeitura de Dois Vizinhos afastou a professora e abriu um processo administrativo. Agora, o inquérito será encaminhado para o Ministério Público, que vai avaliar se oferece denúncia à Justiça.

Episódios de violência foram registrados por câmeras — Foto: Reprodução

Bebês chegaram em casa machucados

A suspeita de que a professora estivesse agredindo as crianças começou quando um bebê chegou em casa com machucados e, ao ser questionada pelos pais, a profissional investigada disse que o bebê tinha caído no parquinho e se machucado.

O pai da criança, no entanto, achou que o ferimento parecia ter sido feito com unha (veja foto abaixo). Ele procurou a direção da escola e, ao acessaram as câmeras do parquinho, não encontraram nenhuma queda. Mas ao verificar imagens de dentro da sala, perceberam atitudes suspeitas dela.

Como outros bebês também estavam chegando em casa com lesões, a direção acessou mais imagens onde foram descobertas agressões. Os vídeos foram analisados no inquérito.

Pai percebeu lesão em bebê e ao ver câmera de segurança, descobriu agressões da professora — Foto: Reprodução RPC

VÍDEOS: Mais assistidos g1 PR