ADMINISTRADA PELA ADECADI

Walt Disney teve passagem inesperada por Curitiba e autografou documentos de fãs há 80 anos; veja as imagens

Em 1941, o pai do personagem Mickey Mouse, e de outras animações mundialmente conhecidas, esteve na capital paranaense quase como anônimo, uma vez que, naquela época, reconhecer uma celebridade e saber onde ela estava era muito mais difícil. Não há, por exemplo, fotos públicas da visita dele.

Uma das pistas sobre a passagem de Disney por Curitiba, entretanto, está na família do arquiteto Raphael Rodrigues dos Santos. Ele é bisneto de Arthur Boutin, um dos felizardos a ganhar um autógrafo de Disney.

Segundo Raphael, o bisavô contava na família que conseguiu o autógrafo no antigo Cassino do Ahú, onde Disney foi passar a noite com a comitiva que estava com ele.

A família de Raphael acredita que o bisavô estava sem papel, por isso, pediu para Disney autografar a própria carteira de motorista. No autógrafo, além da assinatura, Disney desenhou um Pato Donald, uma das suas criações.

“A gente fica pensando… Como em 1941 as pessoas sabiam que ele era o Walt Disney? Talvez falaram pra ele. O que eu sei é que ele queria um autógrafo, não tinha nenhum papel, pegou a carteira de motorista dele e o Walt Disney fez o autógrafo e desenhou um Pato Donald. O Pato Donald tá bonitinho, mas o autógrafo tá mais ou menos”, brinca.

Família guarda autógrafo que Disney deu ao curitibano Arthur Boutin na carteira de motorista dele — Foto: Raphael Rodrigues dos Santos/Arquivo pessoal

Na mesma ocasião em que Disney deu o autógrafo para Arthur Boutin, a atriz Grace Moore, que estava junto com a comitiva, também concedeu um autógrafo ao curitibano.

Ela, porém, além de assinar, registrou a data do autógrafo: dia 5 de setembro de 1941. Raphael acredita que foi neste dia, então, que Walt Disney esteve na capital paranaense.

Walter Elias Disney, criador da The Walt Disney Company — Foto: BBC

Leia outras histórias paranaenses:

Estudante de medicina também conseguiu autógrafo

Carteirinha com autógrafo de Walt Disney fica exposta no Museu da Medicina, em Curitiba — Foto: Gael Aksman/Ascom Santa Casa de Misericórdia de Curitiba

Outro autógrafo que se soma às pistas da presença de Disney em Curitiba foi dado pelo cineasta ao então estudante de medicina Maurício Ferreira da Silva Neto. No caso dele, a assinatura foi na carteirinha de universitário que ele portava na hora do encontro.

A peça com o autógrafo está exposta no Museu da História da Medicina do Paraná, mantido pela Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Curitiba.

Kim Alan Vasco, coordenador de pesquisa e historiador do museu, conta que a peça foi encontrada por acaso, em um acervo que não estava catalogado.

Não se sabe, ao certo, onde o estudante conseguiu a assinatura.

“Desde a década de 1970 já existia uma sala de exposição com alguns materiais. Nos idos de 2010, houve um projeto de inventário de todo o acervo da Associação Médica do Paraná. O projeto não foi concluído e, desse processo, sobraram algumas caixas que ficaram separados. Há cinco anos, quando recebemos todo o material da associação, foi lá que a gente tava ‘fuçando’ e descobrimos a carteirinha.”

Jornalista explica motivo da visita de Disney

O livro de memórias ‘Quando eu era do Banco do Brasil’, do jornalista Paulo de Avelar, revela, entre várias histórias, a passagem de Disney por Curitiba.

O registro feito por Avelar é breve, mas nele o jornalista diz que Disney esteve em Curitiba após ter um problema no avião e precisar pousar no Aeroporto do Bacacheri.

“Esse personagem ilustre estava voando de São Paulo para Buenos Aires. O avião passou por aqui no cair da tarde, teve uma ligeira pane […] Naquele tempo não se realizavam voos noturnos, por isso o avião ficou aqui, para sair no dia seguinte pela manhã”, contou Avelar em trecho do livro.

No livro, Avelar contou que foi uma das pessoas a testemunhar a presença de Disney no Cassino do Ahú. O jornalista também revelou que Disney ficou hospedado no antigo Grande Hotel Moderno, no Centro da capital.

“Eu estava com um estudante de engenharia, grande amigo. Pedimos autógrafos. Conservo até hoje essa lembrança da passagem do criador do Pato Donald por Curitiba”.

Anos mais tarde, após a publicação do livro, o registro de Avelar também foi mencionado em uma publicação do antigo jornal O Estado do Paraná, em 13 junho de 1999, que resgatou a passagem de Disney na capital.

Edição de junho de 199 do jornal o Estado do Paraná relembrou passagem de Disney na capital paranaense — Foto: Larissa Piasecki/g1

*Com colaboração de Caroline Maltaca, Renato Crozatti e Larissa Piasecki.

Mais assistidos do g1 PR